20
Jan 14
publicado por Sofá Rouge, às 17:09link do post | comentar

Pssst, psssst....
cheira-me um beijo, devagarinho. Sim, ao ouvido que sussurras deleites, sopra-me asfaltos de mel, em pontas da língua áspera e seca de mim. 
Mas silenciosamente...


07
Jan 14
publicado por Sofá Rouge, às 17:13link do post | comentar

Despedidas que vincam a pele a ferros em brasa. Doem que doem, ao tempo que fervem.

 


publicado por Sofá Rouge, às 07:48link do post | comentar

Vendo bem as coisas, as noites de insónias servem para pôr os pensamentos em dia, em ordem, e lembrar até de pensar nas coisas que já nem nos lembramos de pensar.


Janeiro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


comentários recentes
Das coisas mais belas que li... De uma simplicidad...
Maravilhoso texto sobre o tempo, um recurso que de...
Gosto da sua escrita... gosto mesmo muito, gosto d...
Não gosto de rótulos nem de catalogar as coisas......
Gosto tanto da forma como expõe ideias, gosto da m...
Posts mais comentados
43 comentários
39 comentários
18 comentários
13 comentários
11 comentários
Donativos
subscrever feeds